domingo, maio 08, 2011

A Mãe Mais Chata do Mundo!!






Recebi este texto na reunião da escola dos meus pimpolhos e quis compartilhar com vocês.
O autor é desconhecido, mas creio que todas as mães irão se identificar, nem que seja um pouco.

"Enquanto outras crianças comiam doces no café da manhã, eu tinha que engolir um copo de leite. Enquanto os outros bebiam refrigerantes o dia todo, minha mãe dizia; “Água ou limonada são muito mais saudáveis”. Ela insistia em saber onde eu estava o tempo todo. Dava até para pensar que eu era o seu pequeno escravo. Ela fazia questão de ficar a par de tudo o que eu fazia e quem eram meus amigos. Confesso, envergonhado, que às vezes até levava umas palmadas dela. Imaginem só, bater numa criança só porque ela respondeu mal ou desobedeceu. Minha mãe ousou quebrar a Lei de Proteção ao Menor.
Verdade! Ela me fazia trabalhar. Eu era obrigado a lavar a louça, arrumar minha cama e guardar minhas roupas. Enfim, todas essas coisas horríveis que fazem parte do trabalho doméstico.
Ela insistia em que eu devia falar sempre a verdade e nada mais do que a verdade. E dizia: “Uma mentira leva a outra e cada vez fica mais difícil voltar à verdade”. Ela sempre me obrigava a fazer a lição de casa antes de brincar e eu só tinha permissão para assistir a determinados programas de televisão que ela mesmo escolhia. E tudo isso sem mencionar que eu tinha que dormir cedo. Sempre eu tinha aquela sensação de que minha mãe era a mãe mais chata do mundo. Podia eu fingir que estava doente para tentar ficar em casa num dia de chuva e faltar à aula? Jamais! E ainda mais exigia de mim boas notas na escola. Inadmissível um vermelho no boletim.
Às sextas feiras à noite tínhamos reunião de família (que chatice), enquanto meus amigos iam ao cinema e organizavam festinhas. Quando adolescente, poucas coisas mudaram. Enquanto meus amigos ganhavam seus próprios carros, eu tinha que trabalhar para poder comprar o meu. Eles ganhavam mesadas dos pais, mas eu era obrigado a prestar contas de todos os meus gastos. E sempre com minha mãe atrás, consegui completar (e com esforço) o colegial. E em seguida, a faculdade. Mamãe jamais me perdia de vista, vigiando-me para que eu sempre enfrentasse a realidade, sem jamais poder me esquivar de alguma situação difícil e, é claro sempre, exigindo que eu falasse unicamente a verdade.
Mamãe obrigou-me a crescer como adulto honesto e educado temente a Deus e com um amor que só hoje posso compreender. A mãe mais chata do mundo é a pessoa que me tornou o homem respeitado de hoje. Por sua vez, quando vieram as dificuldades de alguns daqueles amigos que obtinham tudo sem qualquer esforço, com uma mãe bacana ”demais” – então eu entendo e dou mais valor à minha mãe. Ela me ensinou a dar o verdadeiro valor às coisas, com ela aprendi a pensar não somente em mim, mas também na família e nos amigos, a lutar com empenho pelos meus ideais e a dizer sempre somente a verdade. Agora quando meus filhos chamam a mim e minha esposa de chatos, pelas mesmas razões, fico tranqüilo e tenho certeza de que, algum dia, eles compreenderão porque são o que há de melhor em nossas vidas."
( autor desconhecido)





FELIZ DIA DAS MÃES!!!!



quinta-feira, outubro 29, 2009

Adeus Vermelho!!

Quem acompanha o blog durante estes anos, já deve conhecer um pouquinho da minha vida também. Não sou de falar muito de mim, mas sempre acabo contando algumas coisinhas. Então vamos a mais novidades....

Quando a Nicolle nasceu, deixei o consultório para me dedicar a ela, afinal são nos primeiros anos que a criança necessita mais da mãe.


Fiquei dando algumas aulas de canto em casa até que engravidei do William. Os planos de voltar a trabalhar foram adiados para priorizar a minha família.

O maridão agüentou as pontas no orçamento doméstico e está tudo sobre controle, mas as minhas finanças foram para o espaço.

Quem é profissional autônomo, principalmente de música, sabe que nada é garantido. Por mais que me programasse aconteciam as desistências e as contas iam para o espaço.
Vermelho passou a ser a minha cor oficial no banco :(

Não queria voltar para o consultório, pois meu pequeno ainda está com 1 ano, portanto só tinha uma opção: fazer algo para aumentar a minha renda além das aulas de canto e piano.

Foi então que conheci a rede de cosméticos Mary Kay.




Imagine o emprego dos sonhos onde você:

1)Decide quanto quer ganhar;
2)Decide quantas horas quer trabalhar por semana, tendo mais tempo para a família e amigos;
3)Faça grandes amizades;
4)Receba reconhecimento por seus esforços e conquistas;
5)Tenha perspectivas de ganhos ILIMITADOS
6)Receba treinamento e apoio para conquistar seus sonhos
7)Ganhe viagens nacionais e/ou internacionais, jóias, prêmios e até mesmo um carro cor de rosa!!
8)Fique a cada dia mais bonita e com a pele mais jovem e renovada.

Será que este emprego existe mesmo????

Sim!! Ele existe!!!

É o mundo cor de rosa da Mary Kay!!!!!




Hoje minhas contas estão todas em dia, meu orçamento aumentou e aumenta a cada mês, minha cor oficial no banco passou a ser azul e ainda posso conciliar o tempo que tenho para os meus filhos.

Quer saber mais sobre este sonho e sonhar junto?

Basta me mandar um e-mail.

MSN: claudiah_marykay@hotmail.com

meutricot@yahoo.com.br


Bjinhos!

PS: Nem preciso dizer que as agulhas pararam de novo, né?
Mas o amor continua o mesmo....

terça-feira, julho 14, 2009

Frustrei....

Estou muuuito frustrada!

Depois de quase terminar o casaco da Nicolle, descobri que esta lerda que vos escreve não alterou a receita. Conclusão: um casaco de 6 anos com mangas de 2....
Estou tão irritada, que vou ficar uns dias sem tricotar.
QUE MELECA :(

quarta-feira, julho 08, 2009

Agulhas correndo....

Oi Gente!
Estou dando uma passadinha bem rápida para dizer oi.
Estou em silêncio mas as agulhas estão trabalhando freneticamente.
Quer acabar os casacos da Nicolle e do Wiliam bem rapidinho, afinal aqui está frio e quero ver meus pimpolhos usando o que eu fiz.
Vejam como está minha produção:

Casaco em Jacquard da Nicolle







90%
 

Casaco Trançado do William







75%


Quero acabar o da Nicolle ainda esta semana....tomara.....
Bjocas!

quinta-feira, junho 25, 2009

Chegou o inverno



Bem o inverno chegou com tudo e eu estou tentando tricotar loucamente.
Na minha cabeça quero fazer uns 10 projetos, mas na agulha só tem dois: um casaco para o William (que vocês já conheceram o ponto) e outro casaco em Jaquard para a Nicolle.
Vamos ver se consigo acabá-los ainda este mês e se faço outras coisinhas.
Amo tricotar, mas achar tempo é complicado...

Bjinhos